Trabalho de Geografia e História




 Harumi n:4
Jéssica n:5
Rafael F. n:7
Rafael I. n:8

Trabalho de Geografia e História

ai está o nosso trabalho de Geografia sobre o lixo. A imagem não está muito boa, e não conseguimos arrumar, então tivemos que deixar assim mesmo .. Espero que gostem!



Grupo:


Michelle Kaori nº: 06
Vitor Misse nº: 10
Wendrel Tamioka nº: 11
Yuji Julian nº: 12

Trabalho de Geografia e História

Esse é o Trabalho de Geografia sobre a separação de Lixo para o Bira.
Na verdade Tinha mais coisas legais para colocar, mas resumimos o video e tiramos, mas está legal. Só que o Audio ficou um pouco baixo pra ver aumente o Som.






Diego Nº1
Eliane Nº2
Felipe Nº3
Renata Nº9

Economia Japonesa



A economia do Japão é a 2ª maior do mundo (a maior é a economia dos Estados Unidos). As principais atividades econômicas do Japão circulam entre as ilhas de Hokkaido, Honshu, Shikoku e Kiushu. Para encurtar a distância entre as ilhas, a engenharia japonesa construiu dois túneis e uma ponte entre Honshu e Kiushu. Entre Honshu e Shikoku, duas grandes pontes também estão sendo construídas e um imenso túnel, com 54 km de extensão, liga Honshu e Hokkaido.

O país é o oitavo no ranking de competitividade do Fórum Econômico Mundial.


Formação da economia


Cerca de 80% do território japonês apresenta relevo montanhoso. As montanhas das ilhas Honshu, Shikoku e Kiushu exibem uma vasta vegetação tropical. A ilha de Hokkaido é coberta por taiga. Essas condições permitiram uma intensa utilização da madeira, inclusive para a construção de embarcações.
Embora a maior parte do território japonês apresente relevo montanhosos, a cultura tradicional é a plantação de arroz (rizicultura), mas há muito tempo que o país também se dedica à pesca, explorada simultaneamente por pequenas e grandes empresas. Pequenos portos para pesca são encontrados em toda a sua área costeira, principalmente no litoral do Oceano Pacífico, cujas águas possuem altos níveis de piscosidade. Até metade do século XIX, a rizicultura foi a principal atividade econômica do Japão. Isso mostra o espírito trabalhador do povo japonês, que ao longo da história precisou conquistar um meio natural inóspito particulamente para as atividades agrícolas. Apenas 16% do território japonês é formado por planícies, onde a atividade agrícola é mais fácil. A rizicultura transformou a planície de Kanto na zona mais densamente povoada do país. Isso garantiu um mercado consumidor para a indústria que se estabeleceu na era Meiji. A ocorrência de quatro estações do ano nitidamente marcadas é responsável pelo fornecimento do calor e da humidade que a cultura do arroz exige. Além disso, o emprego de irrigação constante favorece o seu desenvolvimento.

Industrialização
As indústrias se concentram no litoral e a ilha de Honshu possui o maior parque industrial: Tóquio, Nagoya, Osaka formam uma imensa Megalópole. O japão é extremamente dependente de matérias-primas estrangeiras(mais de 90%). Pequenas reservas de cobre, zinco, chumbo, e carvão mineral, pequenas quedas d'água, sua energia vem das usinas nucleares.

Organização da economia


O sistema japonês de gestão da economia apresenta características muito peculiares. Ainda que a participação direta do Estado nas atividades econômicas seja limitada, o controle oficial e sua influência sobre as empresas são maiores e mais intensos que na maioria dos países com economia de mercado. Esse controle não se exerce por meio de legislação ou ação administrativa, mas pela orientação constante ao setor privado e pela intervenção indireta nas atividades bancárias. Existem, também, várias agências e departamentos estatais relacionados com diversos aspectos da economia, como exportações, importações, investimentos e preços, assim como desenvolvimento econômico. O objetivo dos organismos administrativos é interpretar todos os indicadores econômicos e responder imediatamente e com eficácia às mudanças conjunturais. A mais importante dessas instituições é a Agência de Planejamento Econômico, submetida ao controle direto do primeiro-ministro, que tem a importante missão de dirigir dia a dia o curso da economia nacional e o planejamento em longo prazo. De maneira geral, esse sistema funciona satisfatoriamente e sem crises nas relações entre governo e empresas, devido à excepcional autodisciplina dos empregados japoneses em relação às autoridades e ao profundo conhecimento do governo sobre as funções, necessidades e problemas dos negócios. O ministro da economia e o Banco do Japão exercem considerável influência nas decisões sobre investimentos de capital, devido à estreita interdependência entre as empresas, os bancos comerciais e o banco central. A "Ferrovias Nacionais Japonesas" é a única empresa estatal. O Japão faz parte do tratado internacional chamado APEC (Asia-Pacific Economic Cooperation), um bloco econômico que tem por objetivo transformar o Pacífico numa área de livre comércio e que engloba economias asiáticas, americanas e da Oceania.

Jobim visita Índia de olho no mercado bélico

De olho em contratos bilionários e no maior mercado importador de armas do mundo, o Brasil defende uma "parceria estratégica" com o setor militar indiano. Ontem, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, iniciou quatro dias de conversas com autoridades da Índia para desbloquear a venda de aviões brasileiros ao país, fechar acordo para a construção de um radar e, ainda, atuar no monitoramento do território indiano.
A Índia é hoje o país que mais gasta recursos públicos com a importação de material bélico e estratégico. Na próxima década, vai aplicar US$ 100 bilhões em armamentos. Com conflitos em suas fronteiras, uma região ainda sob questionamento do Paquistão e insurgentes domésticos, a Índia aumenta a cada ano seus gastos militares. Dados oficiais apontam que o país gasta 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) em armas, mais de duas vezes o que destina para saúde.
Como não tem ainda uma produção local de armas e equipamentos, Nova Délhi vem optando por importar equipamentos - 70% dos armamentos usados vêm de fora. Hoje, por exemplo, o primeiro-ministro da Rússia, Vladimir Putin, aterrissa na Índia também com o objetivo de ampliar suas vendas de caças e outros produtos do setor bélico. O Brasil também quer tirar proveito desse mercado. "Vamos propor uma parceria estratégica entre os dois países", disse o ministro da Defesa.
Caças
Jobim ainda confirmou que anunciará o seu parecer em relação à compra de caças para as Força Aérea Brasileira (FAB) na semana do dia 5 de abril. O governo já teria optado pelo modelo francês, o Rafale, da empresa Dassault - preterido pelos militares. Porém, o ministro insistiu que ainda não pode anunciar oficialmente a decisão.

Mar da Sibéria borbulha com metano e pode piorar aquecimento.

Um grupo liderado pelos russos Natalia Shakhova e Igor Semiletov, da Universidade do Alasca em Fairbanks e da Academia Russa de Ciências, afirmou que metade das águas do mar do leste da Sibéria está supersaturada de metano em sua superfície.
No verão, quando o mar descongela, o gás escapa para a atmosfera em bolhas, tão numerosas que podem ser detectadas por microfones na água.
O gás vem de vários depósitos de permafrost, ou solo congelado, abaixo do leito marinho. Esses solos, resquícios da Era do Gelo ricos em matéria orgânica, se decompõem liberando metano, gás com 21 vezes mais potencial de esquentar o planeta do que o CO2.
Segundo os cientistas, a liberação de uma parte que seja do metano estocado no fundo do mar do Ártico poderia provocar um aquecimento global descontrolado, com consequências catastróficas. No entanto, o próprio permafrost age como uma "tampa" para o gás, que fica aprisionado na forma de compostos estáveis.
Mas de acordo com Shakhova essa tampa de permafrost está claramente perfurada.
Segundo ela, o aquecimento das águas árticas nas últimas décadas está acelerando o processo de degradação do permafrost.

PARABÉNS, SOR DANIEL!

Não tem muito o que falar .. é só pra não passar em branco :)

Fizemos uma coisa beeeeeeem em cima da hora, mas acho que nessas horas o que vale, é a intenção de cada um né?
Foi super improvisado, e já dia 12 de Março, mas tudo bem . haha!
Que o sor lembre de cada abraço que recebeu hoje, que foi com muito, mas muito carinho! Que sempre que o sor ver esse vídeo, o sor lembre de cada um .. o jeito de falar, de andar, de agir.
Daniel Gimenes, é um dos professores que ficará em nossas memórias .. pelo menos pra maioria, eu acho que sim.
O gordinho que dá AQUELA aula de História & Geografia ; que além de um professor, era amigo e pai de todos!

Espero que o sor goste do nosso presente!


video


"Aqueles que se sentem satisfeitos sentam-se e nada fazem. Os insatisfeitos são os únicos benfeitores do mundo." (Walter S. London)

Isso, nós aprendemos com você! (L)


16 coisas que a internet está destruindo


1 - A arte de discordar educadamente
As discussões insignificantes dos iniciantes do YouTube podem não ser representativas, mas certamente a internet aguçou o tom dos debates. O mundo dos blogs parece incapaz de aceitar as diferenças de opinião. E os trolls crescem em cada canto da web.


2- Ouvir um disco do início ao fim
Os singles são um dos benefícios improváveis da internet. Por um lado, não é mais preciso aguentar oito músicas chatas para poder ouvir uma ou duas que valem a pena. Mas, por outro lado, álbuns que valem a pena terão a audiência que merecem?

3 - Pontualidade
Antes dos celulares, as pessoas precisavam manter seus compromissos e chegar ao restaurante na hora certa. Enviar mensagens de texto cinco minutos antes para avisar os amigos do atraso se tornou uma das grosserias descartáveis da era da conectividade.

4 - Listas de telefone
Você pode encontrar tudo que quiser na internet, com dados muito mais completos do que as antigas e mofadas Páginas Amarelas.

5- Lojas de música
Em um mundo onde as pessoas não estão dispostas a pagarem por música, cobrar delas R$ 30 por 12 músicas dentro de uma frágil caixa de plástico, definitivamente, não é um bom modelo de negócio.

6 - Memória
Quando quase todo fato, não importa quão obscuro e misterioso, pode ser esmiuçado em segundos através do Google ou do Wikipedia, o “mero” armazenamento e recuperação de conhecimentos em sua mente se tornou menos valorizado.

7- Concentração
Quem, entre o Gmail, o Twitter, o Facebook e o Google News, consegue trabalhar? Uma nova tendência de distúrbio de concentração que se desenvolve.

8 - Decorar números de telefone
Depois de digitar os números na agenda do seu celular, você nunca mais vai olhar para eles de novo.

9 - Teorias conspiratórias
A internet é constantemente repudiada como dominada por pessoas excêntricas, mas, ao longo dos anos, se mostrou muito mais propensa para desacreditar teorias conspiratórias em vez de perpetuá-las.

10- Álbuns de fotos e projeções de slides
Facebook, Flickr e sites de impressão de fotos como Snapfish são a nova maneira pela qual compartilhamos nossas fotos. No início deste ano, a Kodak anunciou estar descontinuando a produção do seu clássico filme Kodachrome por falta de demanda.

11 - Depender de agentes de viagens para marcar férias
Para embarcar em uma viagem de férias, não precisamos mais passar obrigatoriamente pelo agente de viagens, que tenta insistentemente vender aquele pacote “imperdível”. Sites especializados montam a viagem dos sonhos dentro do orçamento possível.

12 - Relógios de pulso
Ficar mexendo no bolso para pegar seu celular pode não ser tão elegante quanto olhar para um relógio de pulso, mas é mais econômico e prático do que andar por aí com dois equipamentos.

13 - Artistas ainda não descobertos
Colocar suas pinturas ou poemas online é tão fácil, que os artistas desconhecidos não têm mais desculpas.

14- Escrever cartas
E-mail é mais rápido, barato e conveniente. Receber uma carta escrita à mão de um amigo se tornou um prazer raro, e até nostálgico. Como consequencia, frases de despedida formais como “Com as melhores saudações” foram substituídas por um simples “Valeu”.

15- Matar tempo
Quando foi a última vez que você passou uma hora olhando o mundo pela janela, ou lendo novamente seu livro favorito? A atração da internet sobre a nossa atenção é implacável e, cada vez mais, difícil de resistir.

16 - Assistir televisão acompanhado
A internet permite que parentes e amigos assistam os mesmos programas em diferentes horários e em diferentes lugares, acabando com o significado daquele que foi um dos mais atrativos apelos culturais da classe média, a experiência compartilhada. Programas para assistir televisão juntos, se ainda existem, se limitam a eventos esportivos e reality shows.






Bandeiras

Tipos de bandeiras que o Brasil teve ao decorrer da sua história:


Bandeira portuguesa da navegação para o Brasil






Hipotética bandeira armorial do Reino do Brasil


Significado: Que o Reino do Brasil tenha por Armas uma Esfera Armilar de Ouro em campo azul. A mesma carta de lei refere que o Escudo Real Português (representando Portugal e Algarve) assente sobre a dita Esfera Armilar de Ouro em campo azul (representando o Brasil), com uma Coroa sobreposta passasse a constituir as Armas do Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves


Na Revolução Pernambucana de 1817, os revolucionários não usaram uma bandeira com a esfera armilar, mas sim uma bandeira semelhante à atualbandeira do estado de Pernambuco.


O fato é que, entre setembro e dezembro de 1822 o pavilhão passou a ser utilizado para representar a nação, que ainda era considerada reino. Apenas com a sagração de D. Pedro I é que foi substituída a coroa real do brasão, pela imperial. Em Portugal, o título para indicar o herdeiro aparente do trono passou a ser o de Príncipe Real de Portugal, e, no Brasil, o dePríncipe Imperial do Brasil.

Após a proclamação da República, Ruy Barbosa, propôs um desenho para a bandeira da nova nação, fortemente inspirado na bandeira dos Estados Unidos da América.


Apesar de muito se especular, o decreto que originalmente determina os símbolos da nova nação, assinado aos 18 de setembro de 1822, nada oficializa sobre os possíveis significados das formas e cores adotadas. A a cor verde simbolizava a casa de Bragança, ao passo que a amarela simbolizava a casa de Habsburgo. O losango é um símbolo heráldico ligado ao feminino, reforçando a associação à imperatriz.
Ainda hoje, não foi expedido decreto que defina oficialmente os significados de cada cor e forma, sendo todavia difundida a interpretação de que o verde representa as florestas, o amarelo, os minérios, e o azul, o céu. As estrelas, que representam os Estados que formam a União, e a faixa branca estão de acordo, respectivamente, com os astros e o azimute no céu carioca na manhã de 15 de novembro de1889. A inscrição "Ordem e Progresso", é o lema político do Positivismo, forma abreviada do lema de autoria do positivista francês Auguste Comte: O Amor por princípio e a Ordem por base; o Progresso por fim. Seu sentido é a realização dos ideais republicanos: a busca de condições sociais básicas e o melhoramento do país.


Bandeiras rejeitadas:

















Que país é esse?

Você é bom em geografia? A cada pergunta tente descobrir a que país se refere!

http://rachacuca.com.br/quiz/3772/que-pais-e-esse/?utm_source=frame&utm_medium=link&utm_campaign=xisde_quiz_home

se a segurança for assim, prefiro ficar insegura mesmo..

Observem esses vídeos..






Acho que os vídeos são suficientes para observarmos o tipo de segurança que possuímos no Brasil..
Profissões que tem como objetivo manter a ordem e a segurança de todos, fazendo coisas desse tipo, eu realmente não entendo.

No primeiro vídeo, os seguranças da rodoviária espancaram um homem, apenas pelo fato dele estar preocupado com a filha que foi abordada pelos próprios seguranças. No segundo, policiais espacam 3 jovens por terem dado uma festa e incomodado os vizinhos com o barulho.
Mas.. realmente isso são motivos verdadeiramente fortes para alguém partir para a agressão, principalmente os próprios policiais, que deveriam zelar pela segurança de todos?

Engraçado é que muita gente por aí, cometem crimes extremamentes abusivos, assassinatos cruéis, corrupção muito viva, tráfico de drogas, altos roubos, e cadê os policiais para cuidarem disso?? cadê?

Eu juro, que nunca vou conseguir entender esse nosso mundo..

Se isso for segurança, prefiro viver insegura, e com medo mesmo, porque no fim as duas coisas são iguais.

Imagens mostram seguranças de rodoviária agredindo homem no interior

Seguranças da rodoviária de São José do Rio Preto, a 438 km de São Paulo, foram flagrados agredindo um homem em plena luz do dia. Eles chegaram a quebrar um cabo de vassoura durante a pancadaria. A agressão foi filmada por uma equipe da TV Tem, afiliada da TV Globo na região.

As imagens mostram quando o homem é agredido por três seguranças da Empresa Municipal de Urbanismo (Emurb), que administra a estação rodoviária da cidade.

O homem é imobilizado por um dos funcionários com uma gravata, enquanto outro o agride com o cabo de uma vassoura. A agressão é tão grande que o cabo se parte ao meio. O rapaz ainda cai no chão quando os funcionários ainda tentam segurá-lo.

A cena é acompanhada por diversas pessoas. A agressão aconteceu em um ponto movimentado da cidade. Mais de 60 mil pessoas passam pela rodoviária todos os dias.

O presidente da Emurb viu as imagens registradas pelas câmeras da própria rodoviária, e afastou os três funcionários. Uma sindicância será aberta para investigar o caso.

“Já identificamos as pessoas envolvidas e estamos tomando as providências e independente do ocorrido nós não vamos proteger ninguém e vamos tomar as decisões”, disse Luís Fernando Lucas.

O homem agredido passa bem e não precisou ir para o hospital. Ele e os guardas prestaram depoimento e um inquérito policial foi aberto para apurar o caso.

http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL1511569-5605,00-IMAGENS+MOSTRAM+SEGURANCAS+DE+RODOVIARIA+AGREDINDO+HOMEM+NO+INTERIOR.html
(motivo do link: vídeo mostrando a agressão.) me desculpem, tá meio difícil de copiar o link, ele tá atravessando o espaço! Mas é só clicar duas vezes ou mais com o botão esquerdo, que ele seleciona o link.

Comentário:
Quando eu vi essa notícia, fiquei horrorizada. O que uma pessoa pensa em fazer isso? Bater em alguém com um cabo de vassoura? e o que parece, não teve um motivo aparente. Mas mesmo que tivesse, bater em alguém desse jeito, é lamentável. o Cabo quebrou ao meio ainda ... teve realmente um motivo tão grande pra tamanha agressão? Um país assim, como se desenvolve? Com um povo ignorante, estúpido. Não se é necessário a mais alta classe, nem mesmo o melhor emprego. Se cada um respeitasse o próximo, já seria uma grande evolução.

Família que sobreviveu a terremoto do Haiti revive pesadelo no Chile


Um grupo de nove haitianos que havia sobrevivido ao terremoto do Haiti, em 12 de janeiro, e foi buscar refúgio no Chile foi surpreendido por mais um pesadelo quando o país foi sacudido por um terremoto de magnitude 8,8 na semana passada.

Cobertura completa: terremoto no Chile

"No Haiti me resgataram de debaixo de uma casa e eu me sinto com sorte de ter saído de lá com vida. Entrar no Chile e me encontrar com a mesma situação, não podem imaginar como me senti, em que estado de impotência. Foi o pior que poderia ter me acontecido", relatou Joseph Desarmes à BBC.

Depois de escapar do tremor de magnitude 7 no Haiti, Desarmes conseguiu se refugiar no Chile com sua mulher Jeanelia Pierre, seus filhos Quinchy e Stanley, sua neta Standerly Nelia e quatro amigos por interferência de seu filho Pierre Desarmes, um cantor haitiano radicado no país sul-americano graças ao sucesso de sua banda, Reggaeton Boys.

Sem falar espanhol (somente Pierre fala o idioma local) e, por consequência, sem poder arrumar um emprego, o grupo de haitianos conseguiu ao menos se estabelecer em Santiago, na capital de um país organizado que lhes oferecia uma perspectiva de vida tranquila.

Porém, tudo mudou às 3h34 (horário local) do sábado, 27 de fevereiro, quando grande parte do território foi assolada por um forte terremoto que os colocou novamente no inferno e que os aproximou da morte outra vez.

"Pensei que morreríamos, porque deixamos um lugar como o Haiti com tanto desastre para trás e viemos para cá pensando que estávamos a salvo, mas nos encontramos com algo pior. Pensei que este era o ano de minha morte", relatou à BBC Mundo Stanley Desarmes, com a tradução de seu irmão Pierre.

O jovem haitiano também disse que "quando a terra começou a balançar, a primeira pessoa que agarrei nos braços foi Nelia. Toda a família se jogou ao chão. Estávamos juntos rezando e dissemos: 'aconteça o que acontecer, pelo menos vamos morrer juntos'".

'Até quando, meu Deus?'
Os rostos da família Desarmes denotam uma constante preocupação, ao ponto de passarem os dois primeiros dias após o terremoto no jardim da casa. Somente na segunda-feira almoçaram dentro da residência.

O cantor Pierre Desarmes comentou que no momento do sismo, sua mãe se lançou ao chão apontando aos céus e pronunciando algumas palavras como que perguntando "até quando, meu Deus?", sem entender por que o pesadelo se repetia.

"A primeira coisa que pensamos em fazer foi nos jogarmos ao chão juntos. Todos fechamos os olhos e se teríamos de morrer, nós iríamos morrer juntos", disse Jeanelia Pierre para explicar a reação que a família teve.

Pierre admitiu que seus familiares não estão bem psicologicamente por causa do que tiveram de enfrentar duas vezes e sustentou que vai ser necessário um árduo trabalho para que recuperem a confiança e comecem a deixar para trás suas experiências traumáticas.

"Nem ao menos haviam se esquecido do tremor do Haiti e vêm se encontrar com um 'terremotaço'. Porque não foi um simples terremoto. Foi realmente algo difícil de acreditar. Para eles é inconcebível", disse o líder dos Reggaeton Boys.

"Estou sendo pai, irmão, primo, assistente, psicólogo. Eles acreditam que qualquer situação assim é de morte, e eu tenho que ser forte para ir demonstrando a eles que as coisas aqui não são tão graves", complementou o cantor.

O terremoto de magnitude 8,8 é considerado o quinto mais potente da história moderna e até o momento já deixou mais de 723 mortos, enquanto que o do Haiti alcançou magnitude 7 e deixou mais de 230 mil vítimas fatais.